Canvas, comida e a arte no Hilton

Rodrigo Mezadri aprendeu a cozinhar quando tinha seis anos. A inspiração veio da sua mãe, que preparava receitas, mexia mas panelas, acendia o fogo. Uniu paixão e carreira. Fez curso de gastronomia na Anhembi Morumbi e em 2005 virou estagiário do Hilton. Nunca mais deixou a hotelaria. São 14 anos em restaurantes de hotéis. Em 2008, foi trabalhar no Oriente Médio, onde encontrou sua mulher e aprendeu a usar temperos que muitas vezes eram deixados de lado pelos brasileiros, como tipos de curry. Hoje ele está à frente do Canvas, o restaurante do Hilton São Paulo, cuja proposta é inusitada: mesclar arte e gastronomia, com permanentes exposições de obras de arte nas paredes e em painéis suspensos. A cada trimestre, um menu com um artista que expõe suas obras é oferecido aos clientes nos jantares. “A ideia é saber o que o artista come, quais são suas receitas preferidas e montar o cardápio com base nisso, aí se torna uma opção a mais para nossos clientes”, destaca.

 

A cozinha do Canvas tem um sotaque ítalo brasileiro, bem ao sabor de Rodrigo e das receitas de sua mãe. O prato de ilha deserta do chef?  Rigatoni, tomate fresco, alho, pecorino. Vinho branco, de preferência. Na sobremesa? Pudim de Leite. Essas são duas receitas que estão em um dos seis cadernos que Rodrigo mantém de perto, com receitas aprendidas desde seu primeiro ano no mundo da hotelaria, em 2005.

O desafio de comandar a cozinha do Canvas e de estar atento a tudo que é servido aos clientes é grande. A depender da ocupação, o número de refeições pode variar de 700 por dia a mais de duas mil. São 503 quartos, nacionalidades diversas. O espaço de armazenamento e de estoque não é grande. “Essa logística é desafiadora, assim como o trabalho com nossos fornecedores que precisam estar alinhados e ter produtos de alta qualidade e frescor”, ressalta. O trabalho de selecionar fornecedores vem de visitas frequentes a pequenas propriedades, viagens ou idas a feiras. Um azeite de Monte Verde foi um dos achados.

No Canvas, um dos bons restaurantes dos hoteis cinco estrelas de SP (em breve teremos matéria com o Four Seasons e o Emiliano;  no Tangará a emoção está na hora da conta), Mezadri tem mais liberdade para cozinhar. O Canvas abre para o jantar todos os dias, das 19h às 23h.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
INSTAGRAM
Latest Travel Blog
Close

Pisando em Uvas

Explore o universo do Vinho

© 2019 Pisando Em Uvas. Desenvolvido por DForte
Close